ROCK AROUND THE CLOCK – Rock mais famoso do mundo completa 55 anos de gravação

Ela não era inédita (havia sido gravada dois anos antes), não foi o primeiro rock’n’roll de sucesso (Crazy Man, Crazy rolara um ano antes) e nem foi a principal aposta do estúdio (saiu como lado B de um compacto). A música que mudou os rumos do rock e se tornou seu maior símbolo pede um “Parabéns a Você”. Sim, “Rock Around the Clock” faz aniversário neste domingo, 12 de abril: 55 anos, mas como qualquer tiozão enxuto, continua emplacando.

bill-haleyFoi em 12 de abril de 1954 que Bill Haley e seus Cometas entraram nos estúdios da Decca e gravaram o sucesso, mas a história por trás disso daria um filme e tanto. A canção foi escrita em 1952 por Max Freedman e James Myers (também conhecido como Jammy De Knight), embora até hoje existe uma disputa pela sua real autoria. Já havia outras músicas com o mesmo nome, inclusive um blues famoso na época feito pelo lendário Big Joe Turner chamado Around the Clock Blues, mas essas versões pouco guardam similaridade com o hit de Haley, cantor cuja origem era o cenário da country music.

Haley, assim como Carl Perkins (que estouraria com Blue Suede Shoes) e Elvis, acabou se encantando com o rock, que naqueles tempos era atacado pelos conservadores como “música de negro e lasciva”. E é por essa razão que sua gravadora na época, a Essex, não permitiu que ele gravasse Rock Around the Clock. Por esse motivo Freedman e Myers, os autores, a repassaram para a banda Sonny Dae and His Knights. O resultado foi uma versão insossa que nunca passou de pequeno hit regional.

A história mudou quando Haley trocou de patrão e seguiu para a grande gravadora descobridora de talentos Decca Records. Ali ele conseguiu finalmente emplacar a canção como lado B para Thirteen Women. Uma curiosidade é que o produtor da música foi Milt Gabler, que também havia produzido Billie Holiday, tio do comediante Billy Cristal. O resultado final, colocado no compacto, foi uma mistura dos dois takes que a banda fez. Um que realçava mais a voz de Haley e outro com os instrumentais mais pesados.

Ao contrário das lendas, a música não foi um fracasso no lançamento, mas só explodiu mesmo quando figurou na abertura do filme Sementes de Violência (originalmente, Blackboard Jungle, de 1955), que mostrava as tensas relações entre jovens numa escola decadente. O filme foi estrelado por Glenn Ford e Sidney Poitier. E como nada que envolve Rock Around the Clock acontece sem doses de acaso e coincidência, duas décadas depois, no filme Superman de 1978, a morte de Jonathan Kent, pai adotivo do herói e vivido pelo mesmo Glenn Ford, tinha como música de fundo Rock Around the Clock.

Fazer parte da trilha de Sementes da Violência nos anos 50 foi o suficiente para a canção estourar nacionalmente nas rádios e se tornar o primeiro rock’n’roll a figurar em primeiro lugar nas paradas de sucesso oficiais nos Estados Unidos. No Brasil, o então governador de São Paulo e futuro presidente, Jânio Quadros, tentou proibir a exibição do filme principalmente por causa da trilha sonora, e conseguiu que um juiz, Aldo de Assis Dias, o classificasse como impróprio para menores de 18 anos, já que, em suas palavras, “o novo ritmo é excitante, frenético, alucinante e mesmo provocante, de estranha sensação e de trejeitos exageradamente imorais”.

Rock Around the Clock é considerado o compacto mais vendido da história do rock, algo em torno de 25 milhões de cópias, mas os números são imprecisos pois não havia a contagem na época. Bill Haley a gravou em mais de 30 maneiras diferentes até sua morte, em 1981. Suas outras canções não tiveram o mesmo sucesso, mas nada que o impedisse ter ficado famoso e rico com seu feito.

A maior importância de tudo isso, porém, foi que o mundo nunca mais foi o mesmo depois de Rock Around the Clock. Haley e seu sucesso abriram o mercado para o então novo e sensual ritmo, derrubando preconceitos e finalmente abrindo espaço para futuras lendas como Elvis Presley e Buddy Holly brilharem. Mais: acabou colaborando para que artistas negros como Little Richards, Chuck Berry e Chubby Checker aparecessem. Assim, aproveite hoje para, entre um ovo de páscoa e outro, colocar o velho Haley e seus Cometas a todo volume e dançar em homenagem a esse aniversariante.

Confira Abaixo o video de “Rock Around the Clock”

Para maiores informações acesse http://musica.terra.com.br/

Deixe um comentário

Nenhum comentário ainda.

Comments RSS TrackBack Identifier URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




  • Bem Vindo ao Rock N Heavy News

    rockstar
    ------------------------------------------------




















  • Enquete da Semana